7 maneiras de melhorar o seu negócio hoteleiro nestes tempos desafiadores

7 maneiras de melhorar o seu negócio hoteleiro nestes tempos desafiadores

A gestão de propriedades, sejam apartamentos, hostels ou hotéis, ganhou um peso especial este ano. COVID-19 encontrou um mercado despreparado, colocou em risco a saúde de nossos concidadãos, colocou em risco nosso desenvolvimento econômico e nos mostrou o que significam desafios. É claro que certos setores do turismo, como o de montanha e o rural, experimentaram booms e recordes de vendas sem precedentes.

Embora o vacinas anunciadas tenham demonstrado uma eficiência superior a 90%, temos a certeza de que a recuperação não será rápida e que há desafios adicionais para o turismo urbano e costeiro que devem ser superados. Um desses desafios é: como manter e melhorar o negócio em tempos de crise?

Para te ajudar a seguir em frente, preparamos uma lista com 7 itens que podem te ajudar a se organizar.

1. Deixe a limpeza ser sua marca registrada

Inúmeras pesquisas, tanto com os hóspedes quanto com os proprietários e gerentes de acomodações e hotéis, nos apontaram para uma coisa importante – a higiene nunca foi tão importante aos olhos dos viajantes. Mais de 96% dos proprietários e gestores acreditam que a higiene será um fator crucial no próximo período, à medida que o turismo se recupera.

As mudanças que ocorrem do lado da demanda devem ser acompanhadas detalhadamente para que o negócio possa se desenvolver. Tendo uma certificado de limpeza por instituições verificadas pode definitivamente ajudar, mas não será um item crucial na avaliação da limpeza. Convidados em potencial irão rever o experiências de hóspedes anteriores, revise as condições dos quartos e entre em contato com você se tiver dúvidas adicionais.

Um item extremamente importante que pode passar confiança é a página de informações em seu site e nas salas. Esta é uma informação sobre o que você está fazendo para evitar a propagação do vírus e proteger seus convidados? Procedimentos explicativos de limpeza, processos de check-in e um número limitado de pessoas nas áreas comuns são itens-chave que os hóspedes analisarão ao escolher seu futuro destino.

2. Melhore sua comunicação com os hóspedes

O processo de decisão de reservar sua acomodação começa no momento em que o hóspede descobre sobre você. Esse momento pode ser através da mídia impressa, mídia digital, busca de canais de vendas online (Reserva, Airbnb, Expedia, Camas de hotel, etc.), em seu site, mas também uma recomendação de outros convidados.

Cada um desses momentos deve ser promovido por você. Como exemplo podemos tomar o seu site do Network Development Group e o fluxo de informações que chega a um hóspede em potencial:

  • A página inicial do seu site deve ser concisa e destacar claramente seus pontos fortes
  • O site deve ser carregado rapidamente
  • O site deve ser orientado para vendas (listas de discussão, ofertas especiais, descontos adicionais, etc.)
  • O seu motor de reservas deve ser claro, conciso e moderno. Novos tempos estão chegando e os convidados estão julgando com base em ninharias.

Você deve ter uma organização lista de discussão, que informará detalhadamente seus convidados sobre as novidades, oferecendo descontos especiais. Além disso, a comunicação automatizada, com informações claras, não é mais o futuro, mas o presente. Esta opção deve existir em seu sistema de gestão de propriedade e ser integrado diretamente com seu gerenciador de canais e sistemas de mecanismo de reservas.

3. Iniciar um programa de incentivos e recomendações

Esta não é uma opção nova no mercado, mas representa uma prática que se provou bem no negócio de canais de vendas. Olhando para o mercado global, as estatísticas mostram que mais de 81% dos compradores online são influenciados principalmente por amigos e conhecidos. A recomendação é uma forma confiável e de qualidade para alcançar novos hóspedes.

Embora o tipo comum de recomendação, boca a boca, provou ser a melhor maneira de melhorar as vendas, há oportunidades adicionais de melhoria.

As pessoas respondem aos incentivos! Benefícios adicionais, como um desconto por cada indicação que uma pessoa encontrar, uma pernoite gratuita para cada X pessoas recomendadas, ou mesmo um pagamento em dinheiro de uma determinada porcentagem ou um valor fixo por noite/estadia podem ser uma ferramenta eficaz para promover esse tipo de promoção.

4. Melhore sua marca e sua história

A marca é o que os seus hóspedes reconhecem em você, o que os faz voltar para você e o sentimento que você evoca neles ao estudar sua acomodação. Você deve prestar atenção especial à história que você coloca para os convidados, ou seja, os elementos da história que o diferenciam dos demais. Pode ser um serviço especial, uma primeira experiência única durante a estadia, mas também o próprio tipo de alojamento. Explore sua concorrência, confira as práticas globais que se mostraram positivas e crie uma oportunidade única para seus hóspedes.

Nossa recomendação é ficar mais ativo nas redes sociais, fazer upload de histórias curtas de seus convidados, eventos que o cercam, o significado histórico do seu lugar, mas também atividades diárias que o tornam especial.

5. Responda às preocupações de seus hóspedes em potencial

Com antecedência em seu redes sociais, site e outros canais promocionais, reserve um momento para se dedicar ao preocupações potenciais de seus convidados.

Algumas dessas preocupações podem ser: impossibilidade de pagar o alojamento à chegada, estacionamento, qualidade da internet, acessibilidade, condições de higiene, idade e qualidade do mobiliário dos quartos/apartamentos, atividades e instalações adicionais (spa, caminhadas, esqui, natação, ciclismo, etc.) e muitos outros. Explique aos convidados o que os espera, quais são as alternativas e por que o que está em oferta é exatamente o que eles precisam.

Se responder antecipadamente às potenciais preocupações dos hóspedes, dá-lhes segurança extra. Essa técnica de vendas tem se mostrado eficaz principalmente em períodos de alta demanda, quando os preços são mais altos do que fora de época. Em seguida, os convidados planejam seu orçamento com mais detalhes e garantem o máximo prazer por esse preço.

6. Saia da sua zona de conforto

A zona de conforto para alguns é permitir um mínimo de 7 noites, em turnos semanais. Para outros, é que eles não permitem que animais de estimação fiquem. Enquanto para alguns podem ser regras excessivas e altas taxas adicionais que os hóspedes têm que pagar durante a estadia.

Um número mínimo de noites com turnos claramente definidos é ideal quando seu negócio depende de agências de viagens. Lembramos que este ano as agências de viagens são afetadas adicionalmente, muitas vezes incapazes de atender às necessidades dos passageiros, e a flexibilidade adicional só pode ajudar a preencher a capacidade.

Muitas vezes é um dos requisitos para os hóspedes terem a oportunidade de levar seus animais de estimação com eles nas férias. Esta opção é repulsiva para donos de hotéis e apartamentos, por medo de que o animal possa causar danos. Você pode resolver o seguro desses danos depositando ou pré-autorizando uma certa quantia no cartão do hóspede, para que a estadia do animal de estimação seja habilitada, e você esteja protegido em caso de danos.

Depósitos e taxas excessivos pode desencorajar o hóspede, então você precisa primeiro definir seus custos em detalhes em caso de danos.

7. Invista em você e no seu negócio

Se você não tiver conhecimento suficiente, não conseguirá obter o máximo do seu negócio. O conhecimento em si não significa necessariamente que você saiba interpretar relatórios, calcular os preços das dormidas em dinares, mas o que é certo é que você precisa conhecer o seu trabalho. De que tipo de hóspedes você espera, quais são suas expectativas, como alcançar determinados hóspedes, como lidar com hóspedes difíceis, mas também como acompanhar o mercado.

Muitas vezes você pode reunir todo esse conhecimento gratuitamente online, lendo blogs, participando de webinars, seguindo guias de negócios por meio de plataformas como o Youtube. Se você estiver disposto a investir dinheiro, cursos detalhados, treinamento on-line e coaching estão disponíveis on-line por preços que geralmente são muito baixos e acessíveis.

Não hesite em explorar tecnologias modernas que facilitará seu negócio, que será seu funcionário e braço direito. O negócio online é o presente e precisa se manter atualizado. Quer você escolha: Sistema de gestão de propriedade (recepção), Gerente de canal, Motor de reservas (recepção online) ou outros recursos de CRM ou RMS.

O trabalho começa com você, sua motivação e seu conhecimento. Quando você está comprometido ao máximo, flexível e focado em seus convidados, os resultados geralmente são mais fáceis de obter do que nos casos em que você faz o trabalho apenas para obter lucro, sem o desejo de investir.

Artigos relacionados